Loading...

Moisés de Lima comenta sobre o projeto do Cruzeiro de Arapiraca

Desde agosto do ano passado, o técnico Moisés de Lima Neto comanda o sub-15 do Cruzeiro de Arapiraca-AL, que após 23 anos parado ressurgiu em 2019. Foi no clube alagoano que o goleiro Dida, ex-Seleção Brasileira, deu os seus primeiros passos no futebol, na década de 90.

Moisés de Lima está no Cruzeiro-AL (Foto: Arquivo pessoal)

Após encerrar a carreira de jogador em 2005, Moisés, nascido em Minas Gerais, ficou na base do Coruripe até 2008. Em 2009 foi para o ASA, para comandar o sub-20 e virou auxiliar do profissional em 2010, sendo treinador interino em diversos momentos.

Em declaração exclusiva ao DaBase, o técnico falou sobre a volta do Cruzeiro e as expectativas com o novo projeto, tão logo termine a pandemia em função do novo coronavírus (COVID-19):

“No momento está tudo parado por causa da pandemia e isso prejudicou nossos planos. Nós da comissão e o preparador físico estamos orientando os atletas a continuar as atividades individuais e entramos em contato para passar exercícios para que não percam a forma. A expectativa é, assim que voltar (eu creio que o futebol volta este ano ainda), o clube tem interesse em disputar todas as competições estaduais de base previstas para 2020, além de formar jogador. Ano passado voltamos só com o sub-15, mas para este ano a diretoria confirmou que estará com o sub-17, sub -20 e até o sub-13 se tiver campeonato, pois a gente tem ter dois anos na base para poder voltar aos profissionais. Um dos objetivos é disputar a Segunda Divisão do Alagoano de Profissionais em 2021”, disse “Moisa”, como é conhecido pelo boleiros.

“O maior problema dos clubes menores é a falta de um Centro de Treinamento. O Cruzeiro comprou um ônibus próprio e em parceria com amigos da região adquiriu um campo para treinar. O projeto aqui é sério e promissor. Com a falta de dinheiro, precisamos formar o atleta para ele crescer no clube e chegar aos profissionais”, concluiu o treinador.

Deixe sua opinião

É futebol de base? Então nada escapa dos meus olhos, seja no Brasil ou no exterior.
Loading...