Loading...

São Paulo leva susto, mas vence Palmeiras e segue isolado na ponta do Brasileirão Sub-20

O São Paulo levou a melhor no Choque-Rei e manteve a ponta isolada do Brasileirão Sub-20. Após um primeiro tempo arrasador, a equipe sofreu dois gols do Palmeiras na etapa final e ficou com um a menos, mas segurou o placar de 4 a 2, na tarde desta segunda (23), no Estádio Marcelo Portugal, em Cotia, pela 12ª rodada.

São Paulo contou com volta de Juan e Vitinho. Foto: Miguel Schincariol/ saopaulofc.net

Com o resultado, o Tricolor voltou a se isolar na liderança, com 29 pontos, três a mais que o vice-líder Athletico-PR. Já o Verdão caiu para a quarta colocação, com 23 pontos.

As duas equipes voltam a campo pela 13ª rodada do Brasileirão Sub-20 no próximo domingo (29). Às 15h, o Palmeiras recebe a Chapecoense no Alianz Parque, em São Paulo. Às 16h, o São Paulo visita o Grêmio no CT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul.

Antes, ambos os times têm compromisso pela quarta rodada do Paulistão Sub-20, na quinta (26), às 15h. O Palmeiras pega o União Mogi na Academia de Futebol II, em Guarulhos, e o São Paulo recebe o Grêmio Osasco no Estádio Marcelo Portugal, em Cotia.

O jogo

Os donos da casa começaram a partida com tudo. Com apenas 20 segundos, Vitinho recebeu na entrada da área, invadiu e bateu para abrir o placar. O goleiro Mateusão também teve trabalho e precisou defender as tentativas de Anilson e Juan, minutos depois.

Aos oito, veio o segundo gol são-paulino. Vitinho recebeu passe de Pedrinho pela esquerda e cruzou para a área, onde Juan se esticou e completou para o fundo das redes.

O São Paulo seguiu dominante, controlando as ações ofensivas. A equipe chegou ao terceiro aos 33, quando Léo enfiou para Juan e o atacante tocou na saída do goleiro. Mateusão fez boa defesa em tentativa de Pedrinho, mas o meia deixou o dele aos 40. Juan recebeu novo passe cara a cara, porém desta vez rolou para o camisa 10 completar.

Os visitantes, que só haviam chegado ao ataque em chutes de longe na primeira etapa, voltaram diferentes do intervalo. Logo aos oito minutos, o goleiro Leandro cometeu pênalti em Gabriel Silva após saída ruim da meta. O próprio camisa 10 cobrou e descontou.

Aos 17, Gabriel Silva fez mais um. Ele completou jogada de Kevin pela esquerda e chutou para balançar as redes. Ramon César levou perigo em cobrança de falta que tocou a rede pelo lado de fora minutos depois, mantendo o bom ritmo alviverde.

Aos 28, Thiagão derrubou Kevin quando o atacante ia em direção à área, levou o vermelho direto e deixou o Tricolor com um a menos. Apesar da desvantagem numérica, o time conseguiu equilibrar as ações e segurar o embalo palmeirense. Belém até assustou em arremate de longe e jogou perto. Já o Verdão tentou pressionar no fim em bolas paradas, mas não voltou a marcar.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...