Loading...

Confira quem são os artilheiros da década no Carioca Sub-15

Ser artilheiro de um campeonato sub-15 não é, em hipótese alguma, garantia de sucesso nos profissionais. E muito menos atestado de qualidade do jogador em questão quando a competição é um Estadual, devido ao nível destes torneios.

Caio Monteiro se destacou na base, mas ainda não vingou no profissional (Foto: Site oficial do Vasco da Gama)

Ainda assim o DaBase traz para você a relação dos maiores goleadores do Campeonato Carioca da categoria nesta década (a partir de 2011) e a sua situação atualmente, com destaque para Caio Monteiro, único a alcançar a artilharia mais de uma vez, e Renier, já negociado com um dos principais clubes do mundo. Confira:

2011 – Caio Monteiro (Vasco da Gama) = 20 gols / 2012 – Caio Monteiro (Vasco da Gama) = 54 gols
Criado na mesma Vila Cruzeiro de Adriano Imperador, o atacante ainda tem vínculo com o clube cruzmaltino, onde estreou no profissional em 2016. Ano passado foi emprestado ao Paraná Clube e em 2020 veste a camisa do Boavista, mas ainda não entrou em campo oficialmente pelo Verdão de Saquarema. Foi artilheiro do Campeonato Carioca três vezes: em 2011 e 2012 pelo sub-15, e em 2014 pelo sub-17. Em 2012 bateu o recorde de gols em uma única edição do Carioca da categoria.

2013 – Hugo Borges (Vasco da Gama) = 29 gols
Artilheiro também do Cariocão Sub-17, em 2015, ficou no Gigante da Colina até o ano passado, fazendo ótima Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2018, quando foi adquirido pelo Corinthians. para atuar no time de aspirantes. Em março deste ano o alvinegro paulista o emprestou para o Jorge Wilstermann-BOL, que disputa a Libertadores da América.

2014 – Da Silva (Fluminense) = 18 gols
Com 16 anos recebeu o convite do Grêmio, para onde foi em 2015 defender a equipe sub-17. Teve destaque nas campanhas da Copa Ipiranga Sub-20 de 2018 e na Copa São Paulo de Futebol Júnior, em janeiro de 2019. Antes de subir aos profissionais, o Grêmio renovou o contrato do centroavante até final de 2021, e atualmente está emprestado ao Caxias-RS.

2015 – Lincoln (Flamengo) = 28 gols 
Com passagem pelas seleções brasileiras sub-15, sub-17 e sub-20, o centroavante de 19 anos foi artilheiro do Carioca Sub-17 no ano seguinte e segue no rubro-negro, já incorporado aos profissionais desde 2017, tendo participado do vitorioso ano de 2019, com título estadual, brasileiro e sul-americano.

2016 – Marcelo (Botafogo) = 20 gols 
Meia de 19 anos, continua no Botafogo e defende a equipe sub-20 alvinegra desde o ano passado.

2017 – Reinier (Flamengo) = 25 gols
Meia de 18 anos, em 2019 já estava nos profissionais do rubro-negro, onde fez 15 partidas e seis gols antes de ser negociado com o Real Madrid-ESP, por 30 milhões de euros, correspondentes ao valor da multa rescisória.

2018 – Matheus Martins (Fluminense) = 14 gols
O atacante de 16 anos e com convocações para a seleção brasileira de base está no sub-17 do tricolor carioca desde o ano passado e fez um gol na derrota para o São Paulo, na estreia no Brasileirão da categoria, antes da paralisação devido à pandemia do novo coronavírus.

2019 – Ykaro Toledo (Vasco da Gama) = 12 gols
No Gigante da Colina desde o sub-11, o meia completou 16 anos no último dia 31 de maio e em 2020 atuará pelo sub-17 cruzmaltino.

Deixe sua opinião

É futebol de base? Então nada escapa dos meus olhos, seja no Brasil ou no exterior.
Loading...