Loading...

Técnico Álvaro Martins destaca teste de alto nível em duelo de líderes no Brasileirão Sub-17

Após estrear com vitória, o Ceará terá um grande desafio na segunda rodada do Brasileirão Sub-17. A equipe do técnico Álvaro Martins visita o Flamengo neste sábado (15), às 15h, na Gávea. Segundo o treinador, a expectativa é alta para enfrentar um dos melhores times do país.

Álvaro Martins reestreou pelo Ceará com vitória. Foto: Villener Felix/ CearaSC.com

“Esse é, possivelmente, o jogo mais difícil do grupo. Ao lado de Palmeiras e São Paulo, o Flamengo é a equipes mais competitivas, sendo um jogo fora de casa também. Nossa expectativa, acima de tudo, é representar o Ceará, fazer um jogo aguerrido, de grupo, com as nossas ideias, e fazer com que a equipe construa. Não conseguimos controlar o resultado, mas temos nossas ideias e vamos tentar aproveitar  contra o Flamengo. A expectativa é boa, é jogo grande e o favoritismo está do lado deles”, disse.

O Vozão estreou na competição com vitória, batendo o Atlético-GO por 2 a 1 no último sábado (08), em casa. Com o resultado, o time assumiu a liderança do Grupo A, com três pontos e número de gols marcados semelhante ao do Flamengo. O triunfo, de virada, mostrou uma equipe muito aguerrida e talentosa, que pode evoluir tanto na questão técnica quanto na psicológica, na visão de Álvaro.

“Nossa estreia foi boa em vários sentidos, mas acho que ainda podemos ter maior maturidade. Queira ou não, oferecemos um gol ao adversário, isso não pode acontecer. Podemos ter menos nervosismo, isso está relacionado ao desempenho físico. Em situações de stress máximo, você desgasta mais rápido, isso aconteceu sábado passado. Esperamos que nos próximos jogos tenhamos menos desgaste. Também queremos evoluir nossa capacidade adaptativa, aproveitar algumas oportunidades que o Flamengo pode nos dar”.

Essa é a segunda participação do Ceará no Brasileiro Sub-17 – a primeira sob o comando de Álvaro Martins, que retornou ao Vozão para esta temporada. O técnico, que acumula campeonatos de base disputados na Europa e no Brasil, acredita que testes como o deste fim de semana são fundamentais para formar e testar os atletas e o trabalho do clube.

“Em minha primeira passagem pelo Ceará, não tínhamos a felicidade de fazer vários grandes jogo no ano. Sempre nos queixamos muito por não colocarmos os meninos à prova. É uma oportunidade para os atletas, o Flamengo tem vários jogadores de seleção. Podemos colocar o jogo em pé de igualdade, desempenhos individuais em igualdade, isso significa que temos jogadores de altíssimo nível. Ao mesmo tempo, se alguns mostrarem que estão abaixo, e isso voltar a acontecer na sequência do campeonato, mostra que temos que melhorar nos treinos, na captação. São termos comparativos, que dão uma vivência diferente, rica, competitiva, desafios maiores. Os atacantes vão jogar contra os melhores defensores, os zagueiros contra os melhores atacantes, em alto nível, fora de casa. São experiências que enriquecem os jogadores como um todo, e esperamos que isso proporcione resultados no futuro”, finalizou.

 

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...