Loading...

Corinthians vira, elimina Ferroviária nos pênaltis e vai à final do Brasileirão Feminino Sub-18

O Corinthians disputará pela primeira vez a final do Brasileirão Feminino Sub-18. A equipe reverteu a desvantagem de 1 a 0 do jogo de ida, venceu a Ferroviária de virada no tempo normal, por 3 a 2, e levou a melhor nos pênaltis, por 3 a 0, na tarde desta sexta (10), na Fonte Luminosa, em Araraquara, pelo duelo de volta das semifinais.

Corinthians fez dois gols em quatro minutos para virar a partida. Foto: Jonatan Dutra/ Ferroviária

Na decisão, as Brabinhas enfrentarão o São Paulo, que empatou por 0 a 0 com o Internacional nessa quinta (09) e garantiu sua classificação A CBF ainda definirá as datas, horários e locais das finais, agendadas para os dias 3 e 10 de outubro.

O jogo

As visitantes chegaram a ameaçar no início, em cobrança de falta de Cardoso sobre o travessão. Mas as Guerreirinhas foram mais eficientes e abriram o placar aos 15 minutos. Aline passou para Natália Vendito, que ajeitou para Laura finalizar de fora da área e fazer um golaço.

A resposta corintiana foi rápida. Aos 17, Duda Mineira aproveitou cobrança de escanteio na área e cabeceou para deixar tudo igual. Dois minutos depois, porém, Natália Vendito recebeu lançamento de Ana Luiza, avançou e bateu cruzado, rasteiro, colocando a Locomotiva em vantagem.

O duelo voltou a esquentar apenas no começo do segundo tempo. Logo aos dois minutos, Sorriso ganhou a dividida na entrada da área, balançou para cima da marcação e acertou o cantinho, empatando a partida. Aos cinco, em novo escanteio levantado na área, Laysla subiu na segunda trave e cabeceou para virar.

Ambos os times chegaram com grande perigo no restante da etapa final. Pelo lado alvinegro, Miracatu bateu cru\ado, mas não pegou em cheio na bola e mandou para fora. Já as donas da casa tiveram nos pés de Aline sua grande chance, porém ela, cara a cara e sozinha na área, isolou, aos 35 minutos.

A decisão da finalista foi para os pênaltis, onde o Corinthians foi perfeito. A equipe converteu as suas três cobranças, com Isa Morais, Duda Mineira e Bell. Já a Ferroviária perdeu suas duas primeiras batidas, nos pés de Catarina e Isabelle, Na terceira, Ana Luiza parou na goleira Nanda, concretizando o placar de 3 a 0.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...