Loading...

Vasco arrasa Cruzeiro em jogo de oito gols e fará clássico na final do Brasileirão Sub-17

O Vasco se garantiu em sua primeira final de Brasileirão Sub-17 com goleada. A equipe derrotou o Cruzeiro por 6 a 2 na manhã deste domingo (01), em São Januário, Rio de Janeiro, pelo duelo de volta das semifinais. O jogo de ida havia terminado em 2 a 2.

Vasco fez três gols em cada tempo. Foto: Rafael Ribeiro/ Vasco

Na decisão, o Cruzmaltino enfrentará o Flamengo, que venceu o São Paulo por 2 a 1 nesse sábado (31). Em caso de dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, o campeão será decidido nos pênaltis.

As finais do Brasileirão Sub-17 serão disputadas nos dois próximos fins de semana. A CBF ainda definirá as datas, horários e locais dos confrontos.

O jogo

Os donos da casa abriram o placar logo aos quatro minutos. Erick Marcus cobrou falta e Andrey desviou de cabeça para o fundo das redes. A reação celeste foi rápida. Três minutos depois, Jhosefer fez boa jogada pela esquerda e foi derrubado na área. Pênalti, que Japa bateu e converteu.

Aos 18, os cariocas retomaram a vantagem no marcador. Kauã Lucas tabelou pela esquerda, invadiu a área e tentou o passe, mas viu Pedrão desviar contra. Seis minutos depois, porém, Jhosefer sofreu mais um pênalti, desta vez batido e guardado por Matheus Maia.

O Cruzmaltino não permitiu que o primeiro tempo terminasse empatado. Aos 38, Erick puxou o contragolpe pela esquerda, passou por dois marcadores e caiu em dividida com o goleiro. A bola sobrou para Paulinho, que fez o terceiro gol vascaíno.

Os mineiros tiveram duas grandes chances de empatar na volta do intervalo, mas Vitor Roque não conseguiu completar o cruzamento vindo da direita na pequena área e Jhosefer, cara a cara, chutou nas mãos do goleiro Allan Vitor.

Depois de obrigar Otávio a fazer boa defesa à queima-roupa, o Vasco chegou ao quarto gol. Aos 16 minutos, em escanteio curto, Roger desviou e GB completou debaixo das traves.

A Raposa tentou buscar a reação, mas deu espaços e viu os Meninos da Colina abrirem vantagem no fim, Aos 32, Lucas Eduardo lançou Paulinho, que chutou cruzado e fez o quinto. Para fechar, aos 47, foi a vez de Lucas receber na área, cortar a marcação e marcar um belo gol.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...