Loading...

#TBT: Alisson Farias relembra título do Inter na Copa do Brasil sub-20 de 2014

Quinta-feira é dia de relembrar grandes momentos do passado. Há seis anos, o Internacional apresentava uma promissora geração de jovens que não só trilharam uma carreira profissional de sucesso, mas também conquistaram o título da Copa do Brasil sub-20.

Alisson Farias foi um dos destaques da base colorada.Foto: Ricardo Duarte/ Internacional

O torneio de mata-mata de 2014 contava com fortes equipes dos principais centros brasileiros, além de atletas que fariam parte de boas campanhas na Seleção Brasileira. E o Colorado estava recheado de bons nomes. Um deles era Alisson Farias, vice-artilheiro da equipe e eleito para a seleção do torneio.

O atacante, que defende o Vitória atualmente, destacou a união do grupo e valorizou a qualidade dos companheiros. “O grupo todo mostrou muita força e união em toda a competição. Eu destaco o Bruno Gomes que nos ajudou bastante, foi até o artilheiro do campeonato. A gente se dava muito bem em campo. Ele tinha muita presença e faro de gol. O Willian também, até hoje é um excelente lateral, apoia bastante. E claro, o Rodrigo Dourado, que tinha um tempo de bola muito bom e protegia bem a zaga”.

Citados por Farias, William e Rodrigo Dourado brilharam com a camisa do Inter na base e no profissional, além de terem conquistado a medalha de ouro pela Seleção Olímpica nos Jogos do Rio, em 2016. Nomes como Andrigo, Everton Felipe, Jair e Gustavo Ferrareis têm passagens por clubes importantes da Série A, assim como Geferson, que chegou a disputar a Copa América de 2015 pela seleção.

No comando de ataque, Alisson formou uma dupla fatal com Bruno Gomes.  Eles anotaram 11 dos 16 gols do Colorado na competição, fazendo de Gomes o artilheiro do torneio, com sete bolas na rede. A dupla entrou para a seleção da Copa do Brasil, ao lado dos companheiros William e do zagueiro Eduardo.

No comando dos campeões, um nome mais do que especial. O ídolo colorado Clemer iniciava sua carreira como treinador já com um título nacional. Alisson Farias destacou a importância do ex-goleiro. “Acrescentava bastante. Foi um profissional incrível para a história do Internacional e conquistou diversos títulos. Ele conseguia nos deixar tranquilos dentro de campo mas ao mesmo tempo muito focados. Passava muita tranquilidade para nós no que diz respeito às nossas qualidades. Entrávamos em campo sempre sabendo que podíamos jogar bem.”.

Alisson Farias marcou quatro gols decisivos na Copa do Brasil sub-20 de 2014. Foto: Alexandre Lops /Internacional

A CAMPANHA

O Inter estreou na Copa do Brasil diante do Paraná Clube.  Após ceder o empate por 1 a 1 no jogo de ida, vitória tranquila por 3 a 1 na volta, em casa. Nas oitavas de final, a equipe superou seu desafio mais duro. Diante do Atlético-MG, o Colorado perdeu o duelo de ida, fora de casa, por 2 a 1. Na volta, o time saiu atrás no placar e conseguiu uma virada nos acréscimos da etapa final, levando a decisão para os pênaltis. Para Alisson, um dos momentos mais marcantes da conquista.

“Com certeza o segundo jogo contra o Atlético foi o mais marcante. Saímos atrás no jogo de ida e no Beira-Rio começamos perdendo por 1 a 0. Pude fazer o gol de empate e depois conseguimos virar jogando com muita raça. Nos pênaltis, saímos vitoriosos. Aquela partida foi chave para a moral do time, ganhamos muita confiança que nos levou para a conquista do troféu”, relembra o atacante.

Nas quartas de final, o Inter mostrou consistência para passar pelo Goiás. Vitória por 1 a 0 em casa, com gol de Alisson Farias, e 0 a 0 no duelo de volta,. Na semifinal, diante dos atuais campeões do torneio e bicampeões da Copa São Paulo, a equipe gaúcha mostrou sua força. Bateu o Santos por 2 a 0 em casa, com gols da dupla Farias-Gomes. Em São Paulo, a derrota por 3 a 2 não tirou a vaga do clube na decisão da Copa do Brasil.

A final, contra o Vitória, foi de superioridade colorada nos dois jogos. Em casa, o Inter abriu 2 a 1 de vantagem, contando com um gol de Andrigo e outro de Bruno Gomes já nos minutos finais. Em Salvador, a equipe repetiu o placar do primeiro duelo para ficar com a taça: Alisson Farias e Maurides marcaram e garantiram a primeira de muitas glórias daquela geração.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...