Loading...

Sub-16 do Palmeiras realiza intercâmbio cultural e esportivo na China

O Palmeiras, através de seu time sub-16, fará um intercâmbio na China, entre os dias 6 e 21 de outubro. A oportunidade internacional surgiu através de uma parceria entre o clube paulista, o Instituto Confúcio e a Universidade de Hubei, que escolheu o Verdão pelo destaque recente da sua base. A intertemporada no país asiático terá alguns amistosos e estudos na Província de Hubei.

Além de internacionalizar a marca do clube em um mercado emergente do futebol, a viagem também terá como objetivo aproximar os atletas dos costumes, do idioma e da cultura milenar chinesa. Para minimizar o choque cultural entre os dois povos, os jovens passaram por cinco aulas teóricas sobre a cultura e a língua da China.

porcosub16
Elenco alviverde reunido para mais um treinamento (Foto: Divulgação)

“Em termos culturais, vai ser interessante conhecer um país novo, milenar, além da escola de futebol chinesa. As viagens são importantes para que eles conheçam o mundo. São mercados possíveis para eles, não só a China, mas outros países que visitamos na base em 2016. É importante conhecermos o mínimo do idioma deles, até por educação, para os apresentarmos e cumprimentá-los na língua deles. A China está investindo no futebol e, para o Palmeiras, é um mercado grande, com muitos torcedores em potencial”, disse Artur Itiro, técnico do Sub-17, ao site oficial do Palmeiras.

As aulas básicas de mandarim abordaram palavras do dia a dia e a terminologia do futebol em chinês. “Estudamos expressões simples para que eles possam se virar na China. Comidas, bebidas, como agradecer, apresentar-se etc. Também tivemos um foco maior no futebol, para que eles não tenham um choque muito grande. A preparação é importante porque a cultura chinesa é muito diferente”, explicou Verena Papacidero, professora do Instituto Confúcio.

Deixe sua opinião

Loading...