Loading...

Sobreviventes do incêndio no Ninho firmam novos contratos com o Flamengo

O Flamengo firmou dois novos acordos com destaques de suas categorias de base. O atacante Samuel, de 18 anos, renovou seu vínculo até o fim de 2022. Já o também atacante Cauan Emanuel, de 16 anos, assinou seu primeiro contrato profissional.

Samuel tem multa milionária em seu contrato. Foto: Divulgação

Ambos os atletas estavam no incêndio do Ninho do Urubu, que vitimou dez jovens em janeiro de 2019. Samuel foi o último a conseguir escapar do contêiner, mas Cauan foi um dos três jogadores hospitalizados após a tragédia. Ele se recuperou rapidamente e voltou aos gramados ainda no ano passado.

Cauan jogará pelo time sub-17 quando as competições voltarem. O Brasileirão será retomado em outubro, enquanto a Copa do Brasil terá início em novembro. Em suas redes sociais, o atacante celebrou o novo acordo.

‘Felicidade não cabe no meu peito ao saber que assinei meu primeiro contrato profissional com o Flamengo. Quero agradecer muito a Deus, minha família e ao meu empresário Vanderlei Nogueira, que me apoiaram e ajudaram a chegar até aqui e realizar mais um sonho em minha vida!”, publicou.

Já Samuel, que completou 18 anos, fará parte do elenco sub-20, que volta aos treinos na próxima semana bisando o Brasileirão, o qual começará em 23 de setembro. Seu contrato, válido até dezembro de 2022, prevê uma multa rescisória de 50 milhões de euros (cerca de R$305 milhões).

O atacante chegou ao Rubro Negro aos 11 anos, vindo do Piauí, e foi campeão brasileiro sub-17 no ano passado, marcando um gol na competição. Uma grave lesão no joelho tirou ele dos gramados até o início deste ano, quando o jovem voltou aos treinos pouco antes da suspensão das atividades devido à pandemia.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...