Loading...

São Paulo atropela Jacuipense e garante classificação na Copa do Brasil Sub-17

O São Paulo fez um primeiro tempo arrasador e conquistou a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil Sub-17 com mais uma goleada. A equipe bateu o Jacuipense por 8 a 2, na tarde desta terça (07), no Estádio Marcelo Portugal, em Cotia, pelo duelo de volta das oitavas de final.

Tricolor já havia feito 4 a 1 no jogo de ida. Foto: Rubens Chiri/ saopaulofc.net

Nas quartas de final, o Tricolor enfrentará o Fluminense, que venceu a partida de volta por 1 a 0 e eliminou o Criciúma. A CBF ainda definirá as datas, horários e locais dos confrontos, previstos para os dias 21 e 28 de setembro.

Antes, o sub-17 são-paulino entra em campo pela quarta rodada do Paulistão. A equipe recebe o SKA Brasil no sábado (11), às 11h, no Estádio Marcelo Portugal, em Cotia.

O jogo   

Os donos da casa precisaram de dois minutos para abrirem o placar. João Gabriel recebeu passe de Mateus Amaral pelo meio e marcou. Aos onze, Newerton cobrou falta, a bola quicou na frente do goleiro e morreu no fundo das redes.

Três minutos depois, a arbitragem assinalou pênalti em toque de mão na área. Piauí cobrou e fez o terceiro gol são-paulino. Aos 24, Perroni aproveitou cruzamento da esquerda e bate-rebate na área para bater forte e ampliar.

O Tricolor seguiu no ataque e, pouco depois acertar a trave em jogada pela direita, chegou ao quinto gol, novamente de pênalti. Desta vez, Mateus Amaral bateu e marcou. Jefferson até tentou responder em jogada individual pelo lado baiano, mas, aos 39, Mateus Amaral enfiou linda bola para Newerton desviar de cabeça e fazer mais um.

Para fechar a etapa inicial, aos 41, Matheus Alves ficou com a sobra do escanteio na segunda trave e rolou para Marcos Brito completar.

Mesmo diminuindo o ritmo no segundo tempo, o São Paulo fez mais um. Aos cinco minutos, Eduardo desviou cruzamento da esquerda e mandou para o fundo das redes.

O goleiro Arthur Dória ainda fez mais três boas defesas antes dos visitantes descontarem.  Aos 36, Edjadson roubou a bola do zagueiro e passou para Robson Luiz marcar. Aos 43, em contra-ataque, Edjadson deixou o marcador para trás e finalizou cruzado, anotando o dele.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...