Loading...

Nove treinadores que podem brilhar no futebol profissional em breve

As categorias de base tem, como principal objetivo, desenvolver, aprimorar e revelar atletas para o futebol profissional. Os condutores desse processo, contudo, também querem trilhar esse caminho. Muitos dos técnicos do futebol brasileiro querem alçar voos maiores e brilharem nos grandes clubes.

Marcos Valadares é o atual campeão brasileiro sub-20. Foto: Divulgação/ Atlético

Pensando nisso, o DaBase.com.br listou nove treinadores que tentam se inspirar em nomes como Lisca, Guto Ferreira, Tiago Nunes, Abel Ferreira e outros, que começaram nas categorias de base e já têm carreiras vitoriosas. São profissionais estudiosos, jovens e com currículos que impressionam pelos feitos em tão pouco tempo. Confira abaixo:

9 – Eduardo Guadagnucci

Eduardo Guadagnucci foi vice-campeão da Copa do Brasil Sub-20 de 2020. Foto: Divulgação/EC Bahia

Eduardo Guadagnucci conduziu o Bahia em sua melhor campanha nas competições nacionais de base. A equipe sub-20, comandada pelo treinador, foi vice-campeã da Copa do Brasil Sub-20 de 2020, perdendo a taça nos acréscimos. Ele iniciou sua trajetória no interior de São Paulo, passando por Noroeste e Ferroviária antes de chegar ao sub-15 tricolor. Neste ano, Guadagnucci conquistou o Baiano e treinou o sub-23 em três partidas.

8 – Gabriel Bussinger 

Gabriel Bussinger tem início positivo no Santos. Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/ Santos

Recém-contratado pelo Santos, Gabriel Bussinger alia a carreira acadêmica ao trabalho de campo. Professor da CBF Academy, ele acumulou experiências no Sul do país, principalmente em Santa Catarina, onde comandou o Guarani de Palhoça e o sub-23 do Avaí. Após um período como auxiliar do profissional no Leão da Ilha, ele assumiu a equipe sub-17 do Santos, somando cinco vitórias em sete rodadas do Paulistão.

7 – Ricardo Resende 

Ricardo Resende tem dois vice-campeonatos pelo Botafogo. Foto: Reprodução/ Instagram

Um dos nomes mais experientes da lista, Ricardo Resende tem títulos e grandes campanhas em torneios nacionais. No Atlético-MG, foi campeão das Copas do Brasil Sub-17 – em 2014 – e Sub-20, em 2017. No Cruzeiro, ficou com o vice-campeonato do torneio sub-20 em 2019, ano em que também foi auxiliar e interino do time principal. Ele chegou ao Botafogo no ano passado, recuperou a equipe no Brasileirão, foi campeão da Taça Rio e ficou com os vices do Carioca e da Copa do Brasil Sub-20, já neste ano, quando também foi interino nos profissionais.

6 – Álvaro Martins

Álvaro Martins tem campanhas de destaque no Ceará. Foto @eslleylopesfotografo

Álvaro Martins é outro nome que acumula experiências dentro de campo e com conteúdos acadêmicos. O técnico do sub-17 do Ceará tem diversos cursos e certificados nacionais e internacionais, além de ter publicado o livro “Modelos de Jogo”, referência na área. Ele também soma trabalhos fora do país, nas categorias de base de times portugueses, e títulos no futebol cearense, como o Estadual Sub-20 do ano passado.

5 – Artur Itiro

Artur Itiro conquistou quase tudo que disputou pelo Palmeiras. Foto: Divulgação/ Palmeiras

Livre no mercado, Artur Itiro é um dos responsáveis pelo sucesso da garotada do Palmeiras. Ele trabalhou na base do clube entre 2013 e este ano, quando foi desligado do clube. No sub-17 alviverde desde 2016, o treinador foi bicampeão mundial, bi estadual e levantou duas vezes a Copa do Brasil, entre outras taças internacionais, sempre montando equipes ofensivas e que revelaram nomes como Gabriel Menino, Gabriel Veron, Luan Cândido, Vitão, entre outros.

4 – Diego Siston

Diego Siston chegou ao Corinthians nesta temporada. Foto: Divulgação/ Corinthians

A curta carreira de Diego Siston já traz grandes resultados e atletas revelados. Ex-jogador, o profissional iniciou sua trajetória na base do Vasco, como auxiliar. Ele assumiu o time sub-20 no ano passado, quando não só formou nomes como MT, Gabriel Pec e Caio Lopes, mas também conquistou o Carioca, a Copa do Brasil e a Supercopa. Nesta temporada, ele acertou com o sub-20 do Corinthians, tirando a equipe das últimas posições e levando à briga pela classificação.

3 – Marcos Valadares 

Marcos Valadares tem passagens pelos principais clubes brasileiros. Foto: Bruno Cantini/ Atlético

Marcos Valadares já flertou com o profissional algumas vezes, mas segue fazendo sucesso por onde passa na base. O técnico trabalhou no Fluminense, Palmeiras, Cruzeiro e Vasco, sempre com boas campanhas nas categorias sub-17 e sub-20. No Cruzmaltino, inclusive, chegou a treinar a equipe principal em cinco rodadas do Brasileirão, mas trocou a Colina pelo Atlético-MG para ser campeão brasileiro sub-20 no ano passado e buscar o bi em 2021.

2 – Fábio Matias

Fábio Matias vive boa fase no Flamengo. Foto: Divulgação/ CRF

Fábio Matias também está em um trabalho recente, mas já mostra resultados. Com uma década de experiência nas categorias de base, o treinador passou com sucesso por Desportivo Brasil, Grêmio, Figueirense – onde treinou o time principal de forma interina – e Internacional. No Colorado, ele conquistou a Copa São Paulo de 2020 e comandou os profissionais em três rodadas do Gauchão deste ano antes de trocar Porto Alegre pelo Rio, onde já foi vice-campeão estadual sub-20 pelo Flamengo e disputa a liderança do Brasileirão.

1 – Alex

Alex está em seu primeiro ano como treinador. Foto: Divulgação/ São Paulo

Se quisesse, Alex já poderia estar treinando uma equipe profissional de grande porte. No entanto, o ex-jogador quis começar da base e foi contratado pra assumir uma das equipes mais fortes do país. Ele iniciou sua trajetória no sub-20 do São Paulo neste ano e liderou o Brasileirão durante boa parte da primeira fase. Já classificado às quartas de final e com boa campanha no Paulistão, os comandados do craque tentam adquirir um pouco da experiência e do conhecimento passado à beira do campo.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...