Loading...

Haitiano de 15 anos assina contrato de formação com o Grêmio

Ganael Gary é o nome do primeiro haitiano a vestir a camisa do Grêmio. O atacante de 15 anos assinou na última quarta (23) um contrato de formação com o clube gaúcho.

Ganael será primeiro haitiano da história do Grêmio. Foto: Arquivo Pessoal

O jovem chamou a atenção do clube em peladas na várzea de Porto Alegre. Vindo do Haiti, ele chegou a ser aprovado em testes no Internacional, mas a pandemia de COVID-19 interrompeu a trajetória do atacante.

O pai de Ganael Gary, Jean Delince, deixou o Haiti há quatro anos. Com dois empregos, juntou dinheiro para trazer a esposa e madrasta do jovem,  Rose Bherta, e os seus dois irmãos, Gamael e Nielmaga. Criado no bairro Carrefour, na capital Porto Príncipe, ele jogava futebol nas ruas com bolas de papelão.

O jovem chegou a integrar um time local, mas não seguiu pois não tinha dinheiro para obter o passaporte e participar das viagens para a disputa de competições.

No Brasil, Gary contou com o apoio do empresário Pablo Bueno, que também trabalha com Tetê, do Shaktar Donetsk, e Ferreira, do Grêmio. Ele conseguiu uma casa para a família na Zona Sul de Porto Alegre e o colocou para jogar na várzea após não seguir no Internacional.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...