Loading...

ESPECIAL BRASILEIRÃO DE ASPIRANTES: Com estreia de Danilo, Corinthians vem com categoria reformulada

Na nona matéria da série especial do DaBase.com.br sobre o Brasileirão de Aspirantes, um clube aposta na reformulação da categoria e em um ídolo para buscar uma grande campanha. O Corinthians, sob o comando de Danilo, vai para a sua terceira participação no torneio com uma nova visão para a base.

Corinthians vem de eliminação na segunda fase em 2020. Foto: Divulgação/ Corinthians

O clube estreou na competição em 2019, quando fez uma campanha regular. Foram três vitórias, três empates e duas derrotas, mas que não foi suficiente para a classificação devido ao desempenho dos clubes de seu grupo.

No ano passado, o Timãozinho evoluiu e avançou como líder do Grupo B, com quatro vitórias, um empate e três derrotas. Na segunda fase, porém, um gol sofrido nos minutos finais da última rodada, contra o Juventude, ocasionou na eliminação da equipe, ficando muito perto das semifinais.

Nesta temporada, a expectativa é voltar a melhorar sua campanha no torneio com uma preparação longa e uma nova visão para a categoria. Novo técnico do time sub-23, Danilo comentou sobre o torneio em entrevista exclusiva ao DaBase.com.br;

“É uma competição muito difícil, bem equilibrada. Estamos a quatro meses na preparação para fazer um bom campeonato. Estamos ansiosos para começar logo, fazermos uma grande competição e atingir nosso objetivo, que é chegar bem”, disse.

A categoria sub-23 corintiana foi alvo de polêmicas recentes devido à formação do elenco. Com muitas contratações e pouco aproveitamento dos jovens no time profissional, a diretoria foi criticada. A troca política no clube levou a mudanças, do comando até os atletas.

Danilo já comandou equipe em jogos-treino. Foto: Rodrigo Gazzanel/ Corinthians

O Corinthians apostou em ídolos do clube para finalizar a formação dos atletas. Alex e Danilo, dois campeões da Libertadores e do Mundial como atletas em 2012, foram contratados como coordenador e técnico, respectivamente.

Além disso, vários contratos foram encerrados e a base vem sendo priorizada, com a utilização de jogadores vindos das categorias menores. Danilo destacou que vem aproveitando a base já existente, com o reforço de atletas promovidos do sub-20.

“Já tínhamos uma base, subiram alguns jogadores do sub-20, integramos com os atletas da categoria, e também chegaram atletas para encorpar o elenco. Mas a visão é dar oportunidade aos jovens que vêm das categorias mais baixas”.

Com dificuldades financeiras, o Corinthians tem recorrido a atletas da base nesta temporada. A dificuldade em revelar promessas nos últimos anos é apontada pelos torcedores, mesmo com nomes como Raul, João Victor, Lucas Piton, Xavier, Roni, Gabriel Pereira, Vitinho e Cauê ganhando mais espaço no time principal.

Com a eliminação do sub-20 ainda na primeira fase da Copa do Brasil, o clube busca melhores resultados no sub-23 e aposta em figuras históricas para formar mais atletas. Ansioso para a sua estreia, Danilo destacou a importância do torneio.

“Para mim é fundamental, iniciar minha carreira de forma oficial. Já fizemos jogos-treino, mas não é igual. Não vejo a hora de estrear logo. Espero que possamos fazer um grande jogo e conseguir o resultado”, concluiu.

DESTAQUES

Felipe Torres. Foto: Divulgação/ Corinthians

Felipe Torres

Titular absoluto na última temporada, o zagueiro Felipe Torres é um dos destaques da base corintiana. O jogador de 21 anos passou por São Paulo e Santos antes de chegar ao Parque São Jorge, em 2019. Ele jogou as oito partidas da equipe sub-20 na Copa São Paulo e fez doze jogos no Brasileirão de Aspirantes do ano passado, além de somar dois gols na categoria sub-23.

 

Du Queiroz. Foto: Reprodução/ Instagram

Du Queiroz

Um dos destaques da equipe sub-20 em 2020, o volante Du Queiroz foi promovido à categoria sub-23 nesta temporada. O jogador de 21 anos fez 30 jogos – 25 como titular – e marcou cinco gols, chamando a atenção pela versatilidade, movimentação e qualidade técnica. Sondado pelo mercado árabe no início do ano, ele pode ser uma das apostas do Timãozinho no torneio deste ano.

 

Hugo Borges. Foto: Reprodução/ Instagram

Hugo Borges

Um dos mais experientes do elenco, o atacante Hugo Borges vai para o seu terceiro Brasileirão de Aspirantes. O jogador de 23 anos fez toda a sua base no Vaco, onde estreou profissionalmente em 2018, mas foi liberado de graça no ano seguinte. Ele fez treze das 14 partidas do Corinthians no torneio em 2020 – todas como titular – e marcou seis gols, sendo o artilheiro da equipe na competição.

 

TÉCNICO

Danilo. Foto: Rodrigo Coca/ Corinthians

Danilo Gabriel

Ídolo corintiano, Danilo foi campeão brasileiro em 2011, 2015 e 2017, da Libertadores e do Mundial de 2012, além de somar passagens vitoriosas por Goiás e São Paulo atuando como meia-atacante. Após encerrar a carreira no Vila Nova, em 2019, ele fez os cursos de técnico da CBF e terá no sub-23 do Corinthians sua primeira oportunidade como treinador.

Auxiliares Técnicos: Alexandre Oscar e Edson Leivinha

Preparadores Físicos: Renan de Lima e Edesildo Silva

Treinador de Goleiros: Moisés Campos Moura

ÚLTIMOS RESULTADOS

O Timãozinho vem com competições oficiais na categoria sub-23 desde 2019, ano em que estreou no Brasileirão de Aspirantes, mas parou na primeira fase, assim como na Copa Paulista. No ano passado, a equipe disputou apenas o torneio nacional, caindo na segunda fase. A base corintiana vem também do vice-campeonato paulista sub-20 em 2020 e eliminações nas quartas do Brasileirão Sub-17 e nas semifinais do Brasileirão Sub-20 do ano passado.

ESTREIA DEFINIDA

O Corinthians está no Grupo A da competição, ao lado de Ceará, Cuiabá, Figueirense, Grêmio, Juventude, Ponte Preta e Vitória. A equipe estreia no dia 10 de junho, quinta-feira, às 15h, diante do Santos, no Parque São Jorge, em São Paulo.

Além do Peixe, o time enfrentará, na sequência, Red Bull Bragantino, Coritiba, Fluminense, Bahia, Avaí, Fortaleza e CRB.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...