Loading...

De virada, Corinthians vence Ceará e se aproxima do G-8 do Brasileirão Sub-20

O Corinthians emplacou a segunda vitória seguida no Brasileirão Sub-20 e manteve vivo o sonho da classificação. De virada, a equipe derrotou o Ceará, por 2 a 1, na tarde deste domingo (29), na Cidade Vozão, em Itaitinga, pela 13ª rodada.

Giovane fez o gol da virada corintiana. Foto: Reprodução/ Instagram

Com o resultado, o Timãozinho subiu para a 13ª posição, com 16 pontos, a três do G-8. Já o Vozão caiu para a 14ª colocação, com 14 pontos.

As duas equipes voltam a campo pela 14ª rodada do Brasileirão Sub-20 no próximo domingo (05). Às 15h, o Corinthians recebe o Bahia no Parque São Jorge, em São Paulo. Às 16h, o Ceará visita o São Paulo no Morumbi, também em São Paulo.

Antes, o sub-20 corintiano tem compromisso pela quinta rodada do Paulistão. A equipe visita o Ibrachina na quinta (02), às 15h, na Ibrachina Arena, em São Paulo.

O jogo

Os donos da casa tiraram o zero do marcador logo no primeiro minuto de partida. Aos 25 segundos, Victor Hugo foi derrubado na área e a arbitragem assinalou pênalti, cobrado e convertido por Léo Rafael.

A resposta corintiana veio aos 19 minutos. Keven recebeu de João Vitor no meio, avançou e arriscou de fora da área, acertando o cantinho para deixar tudo igual.

O duelo seguiu movimentado durante a etapa inicial. Natan ameaçou pelo lado cearense em arremate de fora da área, rente à trave. Já os visitantes chegaram em cobrança de falta de Reginaldo, sobre o travessão, e com Cauê, que aproveitou erro de saída de bola, recebeu sozinho na área, mas perdeu chance inacreditável.

O Vozão até ameaçou na volta do intervalo em finalização colocada de Pablo Danrley, porém foi o Timãozinho que buscou a virada. Aos dez minutos, em rápida transição, Keven recebeu de Cauê e enfiou para Giovane tirar da marcação e mandar para o fundo das redes.

Os donos da casa se lançaram ao ataque e criaram boas chances para empatar. Pedro Igor acertou o travessão em chute de fora da área. Natan e Léo Rafael também deram trabalho ao goleiro Alan Gobetti. Apostando nos contragolpes, o time paulista chegou com Matheus Araújo, que parou no goleiro João Fernandes, e em tentativa de Riquelme, travada na pequena área.

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...