Loading...

Corinthians chega reforçado e vai em busca do título no Brasileirão sub-20

Faltando 12 dias para o início do Brasileirão sub-20, o DaBase.com.br faz a décima matéria especial de uma série sobre os participantes do torneio nacional. Hoje, veremos um clube que vem utilizando cada vez ais uma base vencedora e que busca o título para superar seguidas eliminações em semifinais: o Corinthians.

Corinthians chega com novos atletas e fome de título no Brasileirão sub-20. Foto: Rodrigo Gazzanel/ Corinthians

Um dos times com mais títulos profissionais na década, o Corinthians também acumula grandes campanhas nas categorias de base. Maior campeão da Copa São Paulo com dez títulos, o clube só ficou fora das semifinais uma vez nos últimos sete anos, em 2018. São 18 finais ao todo.

No Brasileirão sub-20, o Timãozinho foi campeão em 2014, quando o torneio ainda era organizado pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF) e vice em 2016, perdendo a final para o Botafogo, em casa.

Mas um sina que vem incomodando o clube são as quedas nas semifinais. Na Copinha, o Corinthians foi eliminado justamente nessa fase pelo Vasco, nos pênaltis, em 2019, e pelo Internacional neste ano.

No Brasileirão, o algoz de ano passado foi o Flamengo, campeão do torneio. As campanhas mostram que o time está sempre no páreo, o que não será diferente em 2020 segundo Dyego Coelho, técnico da equipe, que falou com exclusividade ao DaBase.com.br.

“O Corinthians sempre entra nos campeonatos que disputa para brigar pelo título e nesse ano não será diferente. Estamos com jovens atletas que subiram do sub-17 e alguns reforços pontuais que vão ajudar o grupo. Batemos na trave no ano passado parando nas semifinais. Este ano, esperamos ter a sabedoria e competência de levarmos o título para o Parque São Jorge”

De acordo com o treinador, a mentalidade vencedora é um fator trabalhado desde as categorias menores e é fundamental na formação de atletas.

“O maior objetivo para quem veste a camisa do Corinthians é sempre disputar e ganhar títulos. Estamos buscando colocar esse DNA vitorioso nos atletas em todas as categorias, e, com certeza, daremos o nosso melhor no Campeonato Brasileiro de 2020”, disse.

Corinthians foi eliminado pelo Flamengo no Brasileirão sub-20 de 2019. Foto: Divulgação/ Flamengo

E de conquista o comandante corintiano entende. Campeão mundial sub-20 com a seleção brasileira em 2003, Coelho também ganhou o Brasileirão de 2005 pelo Corinthians. O ex-lateral-direito faz parte da comissão técnica do sub-20 desde 2015 e, em 2017, seu primeiro ano como técnico principal, venceu a Copa São Paulo.

O treinador, no entanto, terá que dar uma pausa no trabalho pela equipe sub-20. Com a demissão de Tiago Nunes, ele assumiu o cargo de interino do time profissional, algo que já havia acontecido na reta final do Brasileirão de 2019.

O time sub-20 também vem “desfalcado” por alguns atletas que já subiram ao profissional, como o volante Xavier, o meia Ruan – que se lesionou e não joga mais em 2020 – e o meia-atacante Gabriel Pereira, todos com idade para servir à base.

Para renovar o grupo, o Corinthians fez algumas contratações, como a do lateral-esquerdo Kevin, ex-Tubarão, e do volante Mandaca, ex-CSP.

Além disso, a forte geração vice-campeã brasileira sub-17 no ano passado cedeu nomes promissores, como do campeão mundial sub-17 com a seleção brasileira e melhor goleiro  do torneio Matheus Donelli – que já treina com os profissionais -, o volante Riquelme e o atacante Cauê, autor de 22 gols em 45 jogos em 2019. Segundo Coelho, as mudanças indicam que a estrutura da base vem funcionando.

“Tivemos cerca de oito jogadores que foram chamados ao profissional. Isso mostra que nossa estrutura está funcionando como gostaríamos com o objetivo final, que é levar a maioria deles ao elenco principal. O processo de renovação está acontecendo naturalmente, tivemos a contratação de alguns reforços pontuais e principalmente a integração dos nossos meninos vice-campeões do Brasileiro sub-17, no ano passado”

MOMENTO

O Corinthians retomou os treinos na segunda quinzena de agosto com uma série de protocolos de segurança referentes à pandemia do novo coronavírus. O clube, que conta com a volta de Osmar Loss, desta vez como coordenador técnico das categorias de base, promoveu muitos atletas ao time profissional – inclusive o técnico Dyego Coelho, que assumiu de forma interina o comando do time principal. A equipe já empatou um amistoso por 1 a 1 com o Palmeiras e segue a preparação até o dia 23, quando estreia no Brasileiro diante do Grêmio, no Parque São Jorge, às 15h.

DESTAQUES

Foto: Rodrigo Gazzanel/ Corinthians

Capitão e líder, o zagueiro Ronald é uma das referências do time sub-20. Campeão da Copa do Brasil sub-17 em 2016, ele começou sua trajetória na várzea de Guarujá e é titular da equipe desde 2018, somando 86 partidas pela categoria. Em 2020, o defensor de 20 anos  foi decisivo na vitória por 2 a 1 contra o Mirassol, pelas oitavas de final da Copa São Paulo, marcando dois gols.

 

 

Foto: Rodrigo Coca/ Corinthians

O promissor lateral-direito Daniel Marcos é uma das principais apostas da base corintiana. Após ser dispensado pelo Palmeiras, ele acertou com o Timãozinho em 2016. O jovem defende a equipe sub-20 desde os 16 anos e, no ano passado, foi convocado para a seleção brasileira sub-18. Em 2020, o jogador de 18 anos foi titular na Copa São Paulo e marcou o gol da vitória corintiana sobre o Athletico-PR, nas quartas de final.

 

Foto: Divulgação/ Corinthians

O meia Adson é uma das apostas do Corinthians no setor de criação. Ele foi presença constante na equipe em 2019, atuando 46 vezes e marcando três gols, um deles um golaço contra o Guarani pelo Paulistão. Com contrato até o fim de 2022, o jovem de 19 anos foi reserva na Copa São Paulo, mas com a subida de vários atletas de sua posição, deve ganhar mais espaço n Brasileirão.

 

GERAÇÃO 2002

Vice-campeões brasileiros sub-17 em 2019, três atletas nascido em 2002 são apostas para a temporada. O goleiro Matheus Donelli, de 18 anos, foi campeão mundial sub-17 com a seleção brasileira em 2019 e eleito o melhor goleiro do torneio. O volante Riquelme, de 17 anos, foi titular absoluto durante a temporada passada, com 33 partidas e três gols. Por fim, o atacante Cauê, também de 17 anos, foi o artilheiro corintiano no Brasileirão e no Paulistão, com 22 gols em 45 jogos no ano.

PROMOVIDOS

Três jovens que se destacaram pelo sub-20 corintiano em 2019 e na Copinha deste ano já figuram entre os profissionais. O volante Xavier, que iniciou sua trajetória na Portuguesa Santista e se chamou a atenção na base da Ponte Preta antes de chegar ao clube em 2019; o meia Ruan, que já atuava entre os profissionais do Metropolitano-SC antes de chegar ao Parque São Jorge também em 2019; e o meia-atacante Gabriel Pereira, que foi um dos destaques da Copinha. Deles, apenas Xavier ainda não fez sua estreia no time principal. Com exceção de Ruan, que sofreu uma lesão e não deve mai atuar em 2020, os atletas poderão reforçar o time sub-20 caso não sejam aproveitados na equipe principal.

COMISSÃO TÉCNICA 

Foto: Rodrigo Gazzanel/ Corinthians

Cria do Parque São Jorge, Dyego Coelho hoje é um dos responsáveis por formar novos atletas no Corinthians. Após encerrar sua carreira em 2014, o ex-lateral iniciou sua trajetória como auxiliar técnico no sub-20 corintiano. Ele assumiu o cargo de treinador em 2017 e em sua primeira chance já conquistou a Copa São Paulo. Entre passagens como auxiliar do Guarani e o comando interino do time profissional. Coelho vai para seu sexto ano na categoria com a seguinte comissão técnica:

Auxiliar Técnico:  Rodrigo Leitão

Preparador Físico: Fernando Rossini

Treinador de Goleiros: Leandro Idalino

Massagista: Flavio Sakaguti

CALENDÁRIO

Até o momento, o Corinthians terá somente o Brasileirão sub-20 pela frente. Sem a vaga na Copa do Brasil, o clube aguarda uma definição sobre o Campeonato Paulista. O torneio, que começaria em abril, foi suspenso devido à pandemia e terá um novo formato. No entanto, com a sobreposição de datas, os principais clubes podem não disputar o estadual.

Jogos do Corinthians no Brasileirão:

1ª rodada – 23/09, 15h – Corinthians x Grêmio

2ª rodada – 28/09, 15h30 – Atlético-MG x Corinthians

3ª rodada – 31/09, 21h30 – Corinthians x Palmeiras

4ª rodada – 04/10, 15h – Chapecoense x Corinthians

5ª rodada – 11/10, 19h30 – Corinthians x Bahia

6ª rodada – 14/10, 15h – Ceará x Corinthians

7ª rodada – 19/10, 17h – Corinthians x Santos

8ª rodada – 25/10, 19h30 – Corinthians x Goiás

9ª rodada – 01/11, 15h – Vitória x Corinthians 

10ª rodada – 04/11, 15h – Corinthians x Fluminense

11ª rodada – 08/11 – América-MG x Corinthians 

12ª rodada – 14/11 – Corinthians x Cruzeiro

13ª rodada – 22/11 – Athletico-PR x Corinthians

14ª rodada – 25/11 –Botafogo x Corinthians

15ª rodada – 29/11 –Corinthians x Sport

16ª rodada – 02/11 – São Paulo x Corinthians

17ª rodada – 06/11 – Corinthians x Internacional

18ª rodada – 13/11 – Corinthians  x Vasco

19ª rodada – 20/11 – Flamengo x Corinthians

Deixe sua opinião

Jornalista apaixonado por qualquer espécie de futebol
Loading...