Loading...

Brasil estreia bem na luta pelo enea sul-americano sub-20 feminino

A primeira rodada da edição 2022 do Campeonato Sul-Americano CONMEBOL Sub-20 Femenino teve fim com os dois jogos pelo Grupo B, no estádio Nicolás Chahuán Nazar, na cidade de La Calera, Chile.

Tarciane foi o destaque brasileiro (Foto: CBF)

O Brasil venceu o Uruguai pelo placar de 2 a 0. A seleção brasileira tomou conta das ações desde o apito inicial e criou muitas chances, porém só balançou as redes no segundo tempo. Aos 15 minutos, Analuyza foi derrubada dentro da área e Tarciane converteu a penalidade máxima. Aos 19, após cobrança de escanteio, a zagueira artilheira subiu mais que a marcação e testou firme para fazer o segundo dela e fechar a conta.

Na outra partida, o Equador meteu 5 a 1 na Bolívia. Emily Arias abriu o placar e Nayeli Bolaños deu um show ao balançar as redes quatro vezes, sendo uma de pênalti. Luana San Miguel chegou a diminuir para as bolivianas quando a desvantagem era de dois gols.

No sábado (9), no mesmo local, pela segunda rodada, jogam Uruguai x Paraguai e Bolívia x Brasil. Após turno único (cinco rodadas), as duas primeiras colocadas avançarão à fase final junto com as duas melhores da outra chave. Apenas campeã e vice se classificarão para o Mundial da Costa Rica, que acontecerá de 10 a 28 de agosto deste ano.

O Sul-Americano Sub-20 Feminino foi criado em 2004. Desde então foram oito edições e oito títulos da Seleção Brasileira. Mais do que isso: nunca perdeu um jogo sequer na competição, agora com 47 vitórias e cinco empates, em 52 jogos disputados.

Deixe sua opinião

É futebol de base? Então nada escapa dos meus olhos, seja no Brasil ou no exterior.
Loading...