Confira um retrospecto dos participantes na Copa do Brasil Sub-17

Nesta terça-feira (26) tem início a edição 2017 da Copa do Brasil Sub-17, competição organizada pela Confederação Brasileira de Futebol que reunirá 32 clubes: os 20 da Série A do Campeonato Brasileiro de Profissionais do ano anterior e os 12 melhores da Série B do Brasileirão de 2016.

A disputa do torneio se dá no sistema “mata-mata” em todas as etapas, ou seja, times divididos em chaves de dois, decidindo em um ou dois jogos nas duas primeiras fases (se o time visitante vencer por diferença maior ou igual a dois gols no jogo de ida estará automaticamente classificado), e sempre em duelos de ida e volta nas quartas de final, semifinal e final.

Os 32 participantes representam 12 Estados: AL (1), BA (2), CE (1), GO (2), MG (3), MT (1), PE (3), PR (3), RJ (4), RS (3), SC (4) e SP (5). Destaque para os estreantes Brasil de Pelotas, Londrina e Vila Nova. Veja os chaveamentos:

Três clubes estreiam em 2017 (Foto: CBF)

1 – Londrina-PR x Corinthians-SP, 2 – Figueirense-SC x Grêmio-RS, 3 – América-MG x Botafogo-RJ, 4 – Santa Cruz-PE x Vitória-BA, 5 – Luverdense-MT x São Paulo-SP, 6 – Bahia-BA x Ponte Preta-SP, 7 – Chapecoense-SC x Atlético-PR, 8 – Atlético-GO x Fluminense-RJ, 9 – CRB-AL x Cruzeiro-MG, 10 – Coritiba-PR x Internacional-RS, 11 – Criciúma-SC x Santos-SP, 12 – Ceará-CE x Flamengo-RJ, 13 – Náutico-PE x Atlético-MG, 14 – Brasil-RS x Palmeiras-SP, 15 – Avaí-SC x Vasco da Gama-RJ e 16 – Vila Nova-GO x Sport Recife-PE.

Até aqui, nas quatro edições já realizadas, nenhum clube venceu a competição mais de uma vez. Os campeões foram: 2013 – São Paulo, 2014 – Atlético Mineiro, 2015 – Vitória e 2016 – Corinthians.

Confira o desempenho de cada clube:

AMÉRICA/MG
Histórico: O Coelho participou de todas as quatro edições anteriores e seu melhor resultado foi ter chegado às semifinais em 2015.

ATLÉTICO/GO
Histórico: O Dragão participou em 2013 e 2015, sendo eliminado na primeira fase nas duas oportunidades, sem um triunfo sequer.

ATLÉTICO/MG
Histórico: O Galo participou de todas as edições anteriores, sendo finalista em 2012. Seu pior desempenho foi a eliminação nas oitavas de final em 2014.

ATLÉTICO/PR
Histórico: O Furacão foi eliminado por um clube carioca nas quatro edições. Em 2013 e 2014 o algoz foi o Fluminense, ambas as vezes nas quartas de final. Em 2015 ficou na primeira fase, frente ao Botafogo. E no ano passado caiu diante do Vasco da Gama, nas oitavas de final.

AVAÍ/SC
Histórico: O Leão da Ilha caiu na primeira fase em todas as edições.

BAHIA/BA
Histórico: O Tricolor de Aço jamais passou das oitavas de final, onde chegou nos três primeiros anos. Em 2016 ficou na primeira fase.

BOTAFOGO/RJ
Histórico: O Glorioso foi vice-campeão em 2015. Em 2013 caiu logo na primeira fase. Em 2014 e 2016 foi eliminado nas oitavas de final.

BRASIL/RS
Histórico: A equipe de Pelotas participa pela primeira vez da competição.

CEARÁ/CE
Histórico: O Vozão, que não disputou a última edição do torneio, caiu nas oitavas em 2013 e 2014. Em 2015 foi eliminado logo na primeira fase.

CHAPECOENSE/SC
Histórico: A Chape participou pela primeira vez em 2014, caindo na primeira fase, assim como em 2015. No ano passado foi eliminado nas quartas de final.

CORINTHIANS/SP
Histórico: O Timão caiu nas quartas de final em 2013, 2014 e 2015. Em 2016 ficou com o título.

CORITIBA/PR
Histórico: O Coxa caiu nas quartas de final em 2013 e nas oitavas de final em 2014 e 2016. Sua pior participação foi em 2015, quando foi eliminado ainda na primeira fase.

CRB/AL
Histórico: O clube regatiano participou pela primeira vez do torneio no ano passado e foi eliminado com apenas um jogo e nenhum gol marcado.

CRICIÚMA/SC
Histórico: Nos quatro anos, o Tigre sempre foi eliminado na primeira fase do torneio.

CRUZEIRO/MG
Histórico: A equipe celeste caiu na primeira fase em 2013, nas oitavas de final em 2014 e chegou até as quartas nos últimos dois anos.

FIGUEIRENSE/SC
Histórico: O Figueira caiu na primeira fase nas suas quatro participações, sem nunca ter vencido um jogo.

FLAMENGO/RJ
Histórico: O rubro-negro foi vice-campeão em 2013, semifinalista nos dois anos seguintes e em 2016 saiu nas quartas de final.

FLUMINENSE/RJ
Histórico: O Tricolor das Laranjeiras foi semifinalista em 2013, 2014 e 2016. Em 2015 caiu nas quartas de final.

GRÊMIO/RS
Histórico: O tricolor gaúcho saiu na primeira fase em 2013 e 2016. Em 2014 foi vice-campeão e no ano seguinte foi eliminado nas oitavas de final.

INTERNACIONAL/RS
Histórico: O Colorado ficou nas oitavas de final em 2013, 2015 e 2016. Em 2014 caiu logo na primeira fase.

LONDRINA/PR
Histórico: O Tubarão faz sua estreia no torneio.

LUVERDENSE/MT
Histórico: O Verdão do Norte participou em 2015 e em 2016, saindo na primeira fase, sem um triunfo sequer.

NÁUTICO/PE
Histórico: O Timbu caiu na primeira fase em 2013, 2014 e 2016, todas as vezes sem vitória, e não disputou o torneio em 2015.

PALMEIRAS/SP
Histórico: O Verdão caiu nas oitavas de final de 2013 a 2015. Em 2016 acabou eliminado ainda na primeira fase.

PONTE PRETA/SP
Histórico: A Macaca foi semifinalista em 2013 e caiu na primeira fase nas três edições seguintes.

SANTA CRUZ/PE
Histórico: O tricolor pernambucano esteve nas edições de 2015 e 2016 do torneio, sendo eliminado na primeira fase, com três derrotas em três jogos disputados.

SANTOS/SP
Histórico: O Peixe caiu nas oitavas de final em 2013 e 2015. Em 2014 fez sua pior campanha ao ser eliminado ainda na primeira fase. E no ano passado foi quadrifinalista.

SÃO PAULO/SP
Histórico: O Tricolor Paulista vem piorando ano a ano. Após ser campeão em 2013. Em 2014 e 2015 foi quadrifinalista, e em 2016 ficou nas oitavas de final.

SPORT RECIFE/PE
Histórico: O Leão foi eliminado nas oitavas de final em 2013, caiu na primeira fase nas duas edições seguintes e em 2016 fez sua melhor campanha, chegando à decisão do título e ficando com o vice.

VASCO DA GAMA/RJ
Histórico: O Gigante da Colina vem progredindo. Após ser eliminado na primeira fase nas duas primeiras edições, alcançou às oitavas em 2015 e foi quadrifinalista em 2016.

VILA NOVA/GO
Histórico: Estreante no torneio.

VITÓRIA/BA
Histórico: O Leão da Barra, campeão em 2015, parou nas oitavas de final em 2013 e 2016, além de chegar às quartas em 2014.

Deixe sua opinião